terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

I miss you




E logo agora, no fim de tudo. Encontrei você. Que me deixa com um desejo gostoso. De tudo, tudo de novo. Nada melhor do que sentir sua ausência. Ouso em dizer que complementa o prazer da presença. Como se a falta fosse necessária, evidente demais para não ser sentida. E com isso, a saudade se alastra por muito mais que só uma noite. Muito mais...

6 comentários:

nina . disse...

Estou passando por isso nesse exato momento...

Gabriela Marques. disse...

Como é necessária a saudade... Incrível! Eu, por exemplo, apenas noto que amo quando sinto falta.
A saudade, querendo ou não, acaba sendo o complemento do amor.

Imenso beijo, Rafa. Obrigada pelo carinho. Ótima semana à você!

Sii Thomazini disse...

Que liindo!!
Profundo.

Beejo

Thaís A. disse...

Ah, que lindo!
Muitas vezes é a saudade que nos motiva hm.

Milla disse...

Adoro esse sentimento sabe? Aquela falta que você sabe que vai fazer o reencontro ficar melhor..
Saudades de passar por aqui, me desculpa a ausência tá?
Beijos

Daniel Savio disse...

Mas enquanto ainda se tem esta saudade, não é realmente uma falta...

Fique com Deus, menino Rafael Cotrim.
Um abraço